Jornalistas da Fox são velados nas sedes do Flamengo e do Fluminense

Velório de jornalistas nas sedes do Fluminense e Flamengo

Os jornalistas Paulo Júlio Clement e Victorino Chermont, mortos no acidente aéreo da delegação da Chapecoense, foram velados neste domingo (4), no Rio, cidade onde moravam. Ambos trabalhavam para a Fox Sports.

Clement foi velado no Salão Nobre do Fluminense, time para o qual torcia, com enterro marcado para o Cemitério São João Batista.

Sobre o caixão foram colocadas uma bandeira e uma camisa do clube tricolor. Como homenagem, ele dará nome à sala de imprensa do centro de treinamento do clube, na Barra da Tijuca.

O presidente do Fluminense, Peter Siemsen, lembrou emocionado de Clement.

“É um momento difícil de falar. Um acidente trágico, uma perda de vida absurda. Qualquer homenagem é pouca, pela vida de paixão dele pelo clube e pela sua família”, declarou Siemsen.

O velório de Chermont foi na sede do Flamengo, na Gávea, time pelo qual torcia. O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Melo, se emocionou ao lembrar do jornalista.

“É obrigação do Flamengo acolher a família do Victorino, que era uma pessoa muito querida por todos nós, excelente profissional e figura humana ímpar, que tinha uma ligação muito grande com o clube”, disse Bandeira, que anunciou a decisão de batizar a sala de imprensa do Centro de Treinamento do Flamengo com o nome do jornalista, com sepultamento marcado também para o Cemitério São João Batista.

Com informações de Rafael Monteiro, repórter das Rádios EBC.

 

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS