Diárias internacionais do governador Jaques Wagner assusta deputado

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

Discrepância nos valores das diárias, informadas oficialmente através da Ouvidoria Geral do Estado, em resposta ao requerimento do deputado Luciano Simões, sobre os custos com as viagens internacionais do governador Wagner, deixou o parlamentar assustado.

De acordo com o órgão, foram gastos quase um milhão e meio de reais em 37 viagens, uma média de R$ 40 mil por viagem, sendo que as diárias recebidas pelo governador variaram de R$ 626,08 a R$ 10.503,46.

Em outubro de 2007, Jaques Wagner esteve na Suíça por três dias para representar uma comitiva em evento sobre a Copa 2014 e recebeu três diárias de R$ 626,08 cada.

Já quando esteve em Joanesburgo, na África do Sul, entre os dias 7 e 11 de julho de 2010, para participar do lançamento da campanha brasileira da Copa 2014, o governador embolsou R$ 10.503,46 por dia.

“Gostaria de saber qual foi o critério utilizado pelo Estado para o pagamento de diárias tão absurdas e com valores tão distintos”, questionou o parlamentar.

Os gastos com “transporte” em três viagens realizadas para a China também surpreendem.

Em novembro de 2007, Jaques Wagner passou 11 dias no país para assinar protocolo de intenções com o Grupo Feicheng Pyramid Machinery e gastou R$ 28.608,44 com transporte.

Ele retornou à China em abril de 2011, desta vez para uma estadia de nove dias, e gastou R$ 5.556,43.

Em dezembro de 2011, o governador esteve mais uma vez na China durante seis dias, e gastou R$ 70.673,00 com deslocamentos.

Na maioria das vezes, a viagem era para assinar protocolos de intenção, acordos, visitas, palestras.

Nada ou muito pouco em investimentos foram, realmente, trazidos para a Bahia.

Em compensação, muito foi gasto pelo Estado para bancar tais viagens, condenou Simões.

O deputado afirmou que, de mãos das informações oficiais, irá disponibilizar para melhor análise, ao Ministério Público estadual.

Triste Bahia…….  

Fonte: Assessoria deputado Simões/Redação

OUTRAS NOTÍCIAS