Enxurrada deixa 8 mortos em Lajedinho, na Chapada Diamantina

 

Oito pessoas morreram e ao menos outras dez estão desaparecidas após uma tempestade que atingiu a cidade de Lajedinho , na Chapada Diamantina, entre a noite de sábado (7) e a madrugada deste domingo (8).

O município, que até então vinha sofrendo com a seca, teve casas, comércios e ruas destruídos, segundo a Defesa Civil da Bahia.
Ainda não se sabe o número de imóveis afetados, pois os esforços neste momento estão focados na localização dos desaparecidos. Há pessoas desabrigadas.

De acordo com o superintendente da Defesa Civil estadual, Salvador Brito, as vítimas podem ter morrido por soterramento ou afogamento. Já os desaparecidos podem estar sob escombros ou ter sido arrastados pela força da água.

Segundo Brito, a cidade se localiza em uma área de baixada, o que a torna mais vulnerável. Apesar disso, afirma, não tem infraestrutura para enfrentar eventos desse tipo, como construções mais resistentes e Defesa Civil municipal consolidada.

O governo enviou nesta manhã a Lajedinho oito profissionais da Defesa Civil estadual, policiais militares e bombeiros para ajudar nas buscas e no mapeamento dos imóveis que correm risco de desabar.

Moradores de cidades vizinhas estão chegando ao local da tragédia nesta tarde com donativos, como cestas básicas, água e roupas.

Em nota, o governador Jaques Wagner (PT) disse estar acompanhando os acontecimentos em Lajedinho e se solidarizou com os familiares das vítimas.

“Não há nada que possa amenizar a dor pela perda de tantas vidas, porém, neste momento de aflição, quero me solidarizar com os familiares e toda a população da cidade. O governo coloca à disposição das vítimas os recursos possíveis para minimizar seu sofrimento. Peço aos baianos que se mobilizem para ajudar os moradores de Lajedinho”, disse o governador.

O vice-governador, Otto Alencar (PSD), esteve no município para avaliar a situação e dar a início às ações do governo no local, informou a nota.

 

 

 

 

Fonte: As informações são da Folha de SP

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS