Medicamentos e recuperação de estrada beneficiam população de Salinas da Margarida

Os 15 mil habitantes de Salinas da Margarida, município do Recôncavo Baiano, podem retirar medicações gratuitamente na Farmácia da Bahia, inaugurada neste sábado (4), pelo governador Jaques Wagner, acompanhado do vice-governador e secretário da Infraestrutura, Otto Alencar, e pelos secretários da Saúde, Jorge Solla, e da Casa Civil, Rui Costa.

Durante a solenidade, o governador assinou a ordem de serviço para restauração e pavimentação de 28 quilômetros da BA-534, entroncamento com a BA-001, obra que beneficia também as localidades de Conceição de Salinas, Cairu e São Roque do Paraguaçu.

Wagner afirmou que a estrada e a Farmácia da Bahia são importantes para a região, que está crescendo e se desenvolvendo com a implantação do Estaleiro Enseada do Paraguaçu, em Maragojipe.

“São ações que se somam também a outros projetos, como a Ponte Salvador- Itaparica e a implantação de um polo industrial no Recôncavo para complementação da cadeia produtiva da indústria naval”.

Farmácia da Bahia

O programa Farmácia da Bahia foi criado para que a população tenha acesso a medicamentos e insumos, disponibilizados numa estrutura física adequadamente projetada para o fornecimento qualificado e humanizado.

As farmácias são implantadas em cidades com até 15 mil habitantes. A unidade de Salinas da Margarida é a segunda do estado, a primeira foi inaugurada em Andaraí, na Chapada Diamantina.

De acordo com o secretário Jorge Solla, o projeto, que prevê a implantação de 38 unidades em todo o estado, é voltado para cidades que não foram atendidas pela Farmácia Popular do Brasil.

“Muitas vezes os municípios guardam os medicamentos em locais impróprios, e a Farmácia da Bahia se propõe a construir equipamentos públicos com almoxarifados climatizados e todas as características necessárias para atender bem à população”.

Recuperação da BA-534

O secretário Otto Alencar disse que a ordem de serviço para a recuperação da estrada foi apenas a primeira deste ano de 2014.

Até o momento, segundo Otto, já foram recuperados cerca de 7.500 quilômetros de rodovias e a meta é que, até o final do ano, este número chegue a nove mil quilômetros.

“Esta região do Recôncavo está recebendo grandes investimentos que vão mudar a vida da população, entre eles o estaleiro. Para tudo isso, são necessários investimentos em infraestrutura, como a ponte sobre o rio Baetantã. Este conjunto de ações vai melhorar a economia do Recôncavo, gerando emprego e renda para a população”, afirmou Otto.

Para o aposentado Almir de Oliveira, que mora em Salvador e tem casa em Salinas da Margarida, a recuperação da BA-534 vai levar desenvolvimento para a região.

“A cidade está crescendo, recebendo investimentos privados e a estrada é fundamental para manter este nível de crescimento e para o deslocamento da população”.    

Fonte: Haroldo Abrantes

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS