Tempo - Tutiempo.net

TARGINO MACHADO PEDE NÃO COBRANÇA DE CONTAS PELA EMBASA DOS AFETADOS ROMPIMENTO ADUTORA.

O deputado estadual Targino Machado participou nesta quarta-feira (08) de um intenso debate na Comissão de Defesa do Consumidor e Relações de Trabalho.

E um dos temas desta importante discussão para a população do estado foi o transtorno causado pelo rompimento de uma adutora da Embasa durante obra para a construção do metrô de Salvador.

O problema, causado pela CCR Metrô Bahia, empresa que realiza a citada obra, foi motivo de preocupação do parlamentar, que pediu à Embasa, também responsável pelo fato, para não cobrar do consumidor a conta pelo ocorrido.

“Cheguei à conclusão que é uma ignomínia a Embasa cobrar, no presente mês, pelo fornecimento de água. Isso é um absurdo. A Embasa deveria, a título de não reparar, mas de assumir a responsabilidade por sua incompetência, dar isenção a todos os consumidores das regiões atingidas pela falta de água no último mês”, afirmou.

De acordo com Targino, a Embasa deveria ter informado a CCR sobre os riscos e cuidados que os mesmos deveriam ter antes de iniciar as obras no local.

“Estamos falando de uma adutora que todos conhecem o seu trajeto, até porque parte dela está a céu aberto. Todos sabem que neste trecho passa uma adutora. Qualquer engenheiro que comece uma escavação naquele local, vai perceber que tem algo ali. Não sei como aconteceu isso. Coloco a culpa na Embasa, que deveria ter informado a CCR sobre os perigos que existem na região e a cautela a se tomar antes de executar essa obra”.

Fonte: Assessoria

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS