Exposição coletiva sobre Erotismo no MAC

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

 

Qual a linha que separa o erotismo da pornografia? Até onde o erótico pode ser belo? Como a arte e o erotismo se cruzam? As respostas a estes e tantas outros questionamentos sobre um tema visto com reservas pela sociedade podem ser encontradas no Museu de Arte Contemporânea Raimundo Oliveira, que a partir desta quinta-feira (14) será palco da exposição “Iluminação de Eros”.

Além da discussão sobre a temática instigante, a mostra propõe reunir, em um só espaço, as mais diversas representações artísticas do erotismo, com trabalhos de artistas de Feira de Santana, Salvador e Recôncavo Baiano. Pintura, escultura, fotografia, literatura, desenho e vídeo são algumas técnicas que estarão em destaque até o dia 10 de dezembro.

A exposição foi precedida de uma palestra sobre “O Erotismo na História da Arte”, do artista plástico e Mestre em Artes Visuais Jô Félix, no dia 9 passado. No próximo dia 23, entre 14h e 18h, haverá uma nova apresentação em formato de palestra, também no MAC. Dessa vez, o artista fará uma leitura das obras expostas, segundo explica o coordenador do Museu, Edson Machado.

“A ideia é mostrar o erotismo em várias linguagens”, diz Edson Machado, confirmando a participação dos artistas feirenses Juraci Dórea, José Arcanjo, Nanja, Antônio Brasileiro e Gabriel Ferreira. De Salvador, estarão presentes na mostra o próprio Jô Félix, Renata Voss e Anderson Santos. Participarão ainda da exposição Zé da Rocha, de Cruz das Almas.

Os fotógrafos Tomaz Coelho, de Feira de Santana; Marcus Socco, de Salvador; e Diógenes Oliveira, de Teofilândia, também mostrarão seus trabalhos, assim como os escritores e poetas Roberval Pereyr e Patrice de Moraes. Todos abordando a temática da mostra. A expectativa da coordenação do MAC é atrair visitantes não somente de Feira de Santana, Salvador e Recôncavo, como de outros municípios da região.

Fonte: Secom

OUTRAS NOTÍCIAS