SAC II em Feira de Santana apresenta ineficiência no serviço da Sefaz e na coordenadoria

Em Feira de Santana o SAC Feira Centro II, foi inaugurado como um serviço de destaques no atendimento à população, e está localizado na rua Vasco Filho, nº 23, no centro da cidade.

A determinação de atender somente por hora marcada não vem sendo aplicada em alguns serviços, mesmo possuindo a capacidade de 2,4 mil atendimentos diários, em 153 serviços de onze órgãos.

Estive na sexta feira (6) no SAC para dois atendimentos, um relacionado ao Detran e outro à Secretaria da Fazenda (sefaz).

A senha para atendimento no Detrar foi retirada às 14:45, para um atendimento agendado para às 15:30.

Detran possui oito ou sete mesas de atendimentos, (não me recordo). Esperei o atendimento, que foi relativamente rápido, as atendentes não paravam um minuto se quer. Um serviço eficiente que merece o nosso reconhecimento e elogio.

Antes de ser chamado para o primeiro atendimento, fui ao balcão e recebi a senha para o serviço ofertado pela Sefaz. Pronto. Começou o nosso sofrimento, meu e de todos que precisavam desse serviço.

Vamos aos fatos: No atendimento da Sefaz existe apenas quatro mesas de atendimento. Duas senhoras e duas jovens.

As atendentes mais idosas não paravam. As duas mais jovens paravam para comer bolacha, para atender ao telefone celular, em conversa prolongada, saia da mesa para conversar com colegas de trabalho, enquanto isso ficava esperando que as nossas senhas fossem chamadas.

A demora era tanta que algumas pessoas resolveram abandonar a sala de espera e postaram-se em pé, na frente das mesas de atendimento. Muitos reclamavam.

Fiquei aborrecido, estava com mais de uma hora e quinze minutos de atraso em relação ao horário determinado para o meu atendimento. Nisso as duas atendentes mais jovens simplesmente pegaram suas coisas e foram embora, estávamos precisamente às 17 hs e 05 minutos.

Fui até a coordenadora do SAC, que estava em uma mesa vizinha ao atendimento da Sefaz e disse que o meu atendimento estava atrasado em mais de uma hora e que duas atendentes tinham ido embora, e que o documento que precisava era para fazer um pagamento.

Ela perguntou às duas senhoras, que continuavam atendendo, pelas outras atendentes e elas confirmaram que tinham ido embora. A coordenadora veio em minha direção e disse que não podia fazer nada e se retirou. Ficou conversando com outras funcionárias na maior alegria.

O descaso, a falta de respeito para com o contribuinte é muito grande. Eu tinha sacrificado toda a minha tarde para resolver um problema no SAC, com hora marcada. A hora marcada existe realmente, mas, só para você pegar a senha,para o atendimento, na maioria das vezes, ficamos à mercê de servidores descomprometidos com o serviço e sem a menor qualificação para o atendimento público.

O fato que mais surpreendeu foi as duas pessoas com idade mais avançada, mostrarem disposição para o trabalho bem acima de suas condições físicas e realizarem um atendimento atencioso e educado, enquanto duas jovens e uma coordenadora demonstraram falta de compromisso, e comprovaram que não estão preparadas para esse tipo de serviço.

O estado, através do setor responsável deve tomar atitudes que impeçam esse tipo de comportamento funcional no SAC de Feira de Santana, ou melhor, no serviço público do estado.   

Fonte: Carlos Lima

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS