SEMMAM e SMT intensificam fiscalização às equipadoras de som

As equipadoras de som automotivo devem ficar atentas aos limites de emissão sonora estabelecidos em lei e também evitar a obstrução de passeios por veículos em serviço. O cumprimento das regras está sendo fiscalizado através de ação conjunta entre a Superintendência Municipal de Trânsito (SMT) e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Semmam).    

 

As ações estão sendo motivadas por denúncias de populares, dando conta tanto de poluição sonora quanto de obstrução de passeios. Justamente por isso, os dois órgãos municipais, que já haviam notificado algumas equipadoras, retornaram aos estabelecimentos comerciais nesta sexta-feira, 28, para reforçar o trabalho com a advertência para manterem os limites estabelecidos em lei.

 

A fiscalização está sendo realizada tanto no Centro da cidade quanto em bairros periféricos. Na Extreme Som os fiscais reforçaram as orientações para adequação e constataram o cumprimento da lei que estabelece limite da emissão sonora ao testarem equipamentos potentes instalados pela loja em veículos de clientes, como os potentes “paredões”.

 

Também foram realizadas fiscalizações na Radycal Som e na Cley Som, ambas também no Centro da cidade. Logo em seguida, diversos estabelecimentos situados em bairros também foram inspecionados.

A ação vem sendo coordenada pelo superintendente municipal de Trânsito, Francisco Júnior, em atendimento às denúncias de populares visando o combate à poluição sonora provocada por veículos automotivos e também visando a desobstrução de passeios. Ele lembra que somente podem ser utilizados para estacionamento de automóveis os imóveis que possuírem o recuo necessário para garantir a acessibilidade dos pedestres.

 

 

 

Fonte: As informações são sa Secom PMFS/ Foto: Secom

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS