Serviço de Verificação de Óbito da Prefeitura não pode remover corpo

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

O Serviço de Verificação de Óbito (SVO), prestado gratuitamente pela Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria de Saúde, tem o papel de emitir os atestados de óbito para pessoas que sofrem morte natural.

 

O setor é responsável por distribuir o documento para os hospitais e unidades de saúde.

 

Com o atendimento ao público fornecido das 8h às 18h, os médicos têm até uma hora para chegar ao local do óbito.

 

Mortes causadas por violência ou caso externo, como acidentes ou envenenamento não poderão ter o serviço acionado.

 

Segundo a secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, o SVO não pode remover o corpo do local.

 

“Não é de nossa competência fazer a locomoção do corpo, pois não temos o veículo apropriado para transportar mortos”. Afirmou a secretária.

 

Ainda segundo ela, com relação a morte do motorista identificado como Alex Fubiano Santos Tavares, por volta das 2h30 da madrugada no dia 28/08, no posto de combustíveis São Cristóvão, localizado na BR 116 Norte, em Feira de Santana, a remoção do corpo é uma obrigação do Departamento de Polícia Técnica. Só esse Departamento tem o dever de realizar esse serviço.

 

As pessoas que necessitam do serviço podem acionar as unidades de saúde do município – policlínicas e unidades do Programa Saúde da Família (PSF) ou através do telefone (75) 3612.6619.

 

As informações que foram passadas pelo Policial Militar referentes à preservação do local e remoção do corpo não procedem.  

Fonte: Felipe/Redação cljornal

OUTRAS NOTÍCIAS