Uma justa homenagem: Anchieta Nery dará nome a escola infantil

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email
Anchieta Nery

A unidade escolar construída pela Prefeitura de Feira de Santana na Mangabeira será denominada Centro de Educação Infantil Manoel Anchieta Nery de Souza. Professor da UEFS, jornalista e autor de peças teatrais, Anchieta Nery morreu no dia 30 de abril de 2015.

Nasceu em Rodelas, sertão do São Francisco, e em 2009 recebeu o título de Cidadão Feirense, iniciativa do ex-vereador Antônio Carlos Coelho.

Chegou em Feira, como disse em discurso na Câmara Municipal, “numa noite fria de agosto de 1975”. E daqui nunca mais saiu.

Ocupou o cargo de secretário de Comunicação Social de Feira de Santana nos governos de José Raimundo Pereira de Azevedo – também interinamente chefiou o Gabinete e a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, e durante os dois primeiros governos de José Ronaldo de Carvalho, quando também foi interino na Secel.

Além de professor da UEFS,  foi servidor, quando contribuiu para a formação do acervo inicial do Museu Casa do Sertão e também contribuiu para a fundação da TV Olhos D´Água, da instituição.

Reconhecidamente brilhante redator, poeta e autor de peças de teatro, entre elas “Acauã”, premiada em vários festivais pelo País, foi repórter e editor do extinto jornal Feira Hoje, como também colaborou com diversos órgãos de imprensa, além da autoria de inumeráveis publicações do jornalismo local.

A administração municipal, diz o prefeito José Ronaldo, deve homenagear aqueles que, com seus esforços pessoal, contribuíram, ou contribuem, para a construção da história da nossa comunidade.

Secom

OUTRAS NOTÍCIAS