Vereador comete o que poderia ser uma injustiça /por Carlos Lima

O vereador Roberto Tourinho (PSB) foi injusto ao criticar a secretária de Saúde, Denise Mascarenhas, pelo não atendimento de sua solicitação para que vereadores pudessem ver, em loco, às unidades de saúde do município que receberão pacientes com o novo coronavírus.

O diretor do HGCA, Dr. José Pitangueira, que recebeu a mesma solicitação, atendeu de imediato e agendou visita para esta sexta-feira (22) no horário das 9:30 hs.

Tenho certeza que o edil se atrapalhou ao encaminhar o pedido a secretária de Saúde, foi um lapso de memória. Segundo comentários ela não possui mais nenhum poder de decisão na pasta.

Antes de qualquer definição precisa receber autorização do prefeito.

Sua posição se tornou decorativa desde os primeiros resultados divulgados pela  Operação Pityocampa. Afirmam, nos bastidores, que ela perdeu a confiança do grupo e o comando efetivo das ações na Secretaria de Saúde.

Portanto caro vereador, ela não fez “ouvido de mercador” em relação a solicitação realizada.

Estava correndo atrás do prefeito para receber instruções de como proceder.

Tanto é verdade que a resposta não foi direcionada ao combativo vereador Roberto Tourinho, e sim, para o presidente da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Feira de Santana, vereador José Marques, mais conhecido como Zé Curuca.

A visita está devidamente agendada para a próxima segunda-feira(25) às 14 horas, nas instalações do Hospital de Campanha, montado na antiga maternidade Mater Dey, localizado na Avenida João Durval Carneiro.

Para adocicar a decisão, afirmou: “O nosso Hospital Municipal de Campanha está em fase final e todos os vereadores são bem vindos para conhecer de perto esta unidade que será destinada para tratamento de pacientes do novo coronavírus”.

O resto é apenas um jogo de palavras, que nada dizem.

Carlos Lima

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

OUTRAS NOTÍCIAS