Vereador Edvaldo critica deputado Jean Wyllys e condena participação de homossexuais no casamento coletivo

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

O vereador Edvaldo Lima (PP) teceu duras críticas ao parlamentar Jean Wyllys (PSOL-RJ), na sessão ordinária da Casa da Cidadania, nesta terça-feira (10). As críticas foram embasadas, sobretudo, numa matéria do Jornal do Brasil, intitulada “Deputado gay Jean Wyllys ofende cristãos e declara guerra aos ‘inimigos'”.

 

Segundo o texto jornalístico, o referido deputado lançou uma campanha de combate ao cristianismo. “Em sua página do Twitter, Jean publicou várias mensagens dizendo que cristãos são doentes, homofóbicos, preconceituosos, violentos, ignorantes e fanáticos, e que ele se dedicará ainda mais a eliminar a influência do cristianismo na sociedade. O deputado enfatizou que seu mandato tem como foco a defesa dos interesses da militância gay e o combate a seus ‘inimigos'”.

 

Após a leitura da matéria, Edvaldo Lima disse que Jean Wyllys não tem moral nenhuma para falar mal do Cristianismo. “Nós temos o direito de se manifestar. Não é esse pequeno deputado que vai humilhar a família cristã”, disse o edil, afirmando que, ao invés dos cristãos, Jean é que tem um comportamento crítico e hostil.

 

Na oportunidade, ele criticou também a decisão do secretário municipal de Desenvolvimento Social, Ildes Ferreira, de abrir espaço no casamento coletivo para homossexuais. Membro da Assembleia de Deus, Edvaldo ressaltou que “na sua igreja, as famílias que iriam se inscrever já não vão mais participar do casamento coletivo. Nós não podemos aceitar, até porque no Congresso Nacional ainda não foi aprovada uma lei permitindo o casamento entre pessoas do mesmo sexo”.

 

Fonte: Redação, com informações da Ascom/ Câmara Municipal

OUTRAS NOTÍCIAS