Tempo - Tutiempo.net

VEREADOR JOSÉ CARNEIRO DESMENTE VERSÃO DE ZÉ NETO SOBRE BRT

Em discurso proferido na tribuna da Câmara Municipal o vereador José Carneiro (PSL), fez críticas ao líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia, deputado Zé Neto (PT), em virtude dele ter afirmado, em entrevistas e matérias em sites, que o BRT de Feira de Santana é um projeto do governo Dilma Rousseff.

 

José Carneiro classificou a atitude do deputado como equivocada e injusta, argumentando que a Prefeitura Municipal foi autora do projeto do BRT e firmou empréstimo para execução dessa proposta de melhoramento da mobilidade urbana de Feira de Santana.

A Prefeitura elaborou um projeto, pagou por esse projeto, tomou um empréstimo de R$ 90 milhões de reais junto a uma instituição financeira.

 

O BRT em Feira de Santana será construído com recursos desse empréstimo e será pago pela Prefeitura. Não terá recursos do governo federal.

 

O vereador terminou dizendo que: “Se o Governo assumir que paga as parcelas desse empréstimo, nós vamos entender e aceitar que o BRT é uma iniciativa do Governo Federal e, até do Governo Estadual. Agora, enquanto estiver com vínculo de que todas as parcelas desse empréstimo serão pagas pelo Governo do Município, o deputado Zé Neto não pode e não tem o direito de dizer que é uma iniciativa do Governo Federal”.

 

Em aparte, o vereador Marcos Lima (PRP) disse que esse é o “estilo do governo petista querer ser o pai da criança”. Em seguida, ele afirmou que “travaram o sistema de estacionamento rotativo Zona Azul, que já poderia estar melhorando o trânsito de Feira de Santana e, agora, vão tentar, na Justiça, também travar o BRT”, alertou.

 

Aeroporto

 

Também em aparte, o vereador Isaías de Diogo (PPS) garantiu que vai procurar o deputado Zé Neto para discutir o Aeroporto João Durval Carneiro. Segundo ele, o preço de uma passagem aérea de Salvador para o Rio de Janeiro custa R$ 240,00. “Já de Feira de Santana para o Rio de Janeiro a passagem custa R$ 1.397,00”, disse Isaías, afirmando que o aeroporto foi uma obra eleitoreira.

Fonte: Ascom/Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS