Tempo - Tutiempo.net

Alexandre de Moraes reforça que ameaças de Bolsonaro contra eleições são crimes ‘comum e de responsabilidade’

Bolsonaro tem o desejo de ..... Moraes

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, que sucederá o ministro Luís Roberto Barroso na presidência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Estaerá no cargo durante a eleição de 2022, repudiou os ataques feitos por Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (9) ao processo eleitoral brasileiro e ao colega de Corte.

No mesmo tom da nota à imprensa de Barroso, Moraes também destacou que atentados contra “a democracia e o Estado de Direito” caracterizam crimes “comum e de responsabilidade”.

“Os brasileiros podem confiar nas Instituições, na certeza de que, soberanamente, escolherão seus dirigentes nas eleições de 2022, com liberdade e sigilo do voto.

Não serão admitidos atos contra a Democracia e o Estado de Direito, por configurar crimes comum e de responsabilidade”, escreveu o ministro.

Leonardo Attuch

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS