Desordenamento do centro comercial da cidade expulsa INSS de sua sede própria

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

“Aqui está muito complicado não dá mais para continuarmos. Os veículos oficiais não conseguem entrar nem sair da garagem porque A frente está toda tomada de camelôs.” Essa foi a afirmativa da gerente regional do INSS em Feira de Santana, Hildete Farias.

A situação vem se arrastando por anos a fio sem que nenhuma providência seja definida pelo poder público municipal, único responsável por qualquer medida que possa ser adotada.

Segundo a gerente regional do órgão, os camelôs são irredutíveis quando se pede um pouco de compreensão para desobstruir a área. Houve situações quem a ambulância não conseguiu ter acesso a área, inclusive os agentes municipais de trânsito ficaram impedidos de fazer qualquer coisa.

 

 

Depois de mais de 50 anos funcionando na Rua Sales Barbosa, em sede própria, no edifício que foi o mais alto da cidade, o INSS está se mudando para um prédio alugado no final da Avenida Getúlio Vargas, próximo ao anel de contorno.

Hildete Farias afirmou que tentou evitar essa situação, conversou com entidades representativas do comércio, com ambulantes, com o Poder Público Municipal. Nada foi feito.

Segundo Hildete os planos eram outros, mas o cenário ficou pior a cada dia sendo necessário adotar algumas mudanças. “O desejo era esperar construir uma nova sede ao lado no outro prédio no bairro Centenário, como projeto e obras deve demorar mais de dois anos e vivemos na Rua Sales Barbosa uma situação de perigo iminente, se tornoui imprescindível alugar um imóvel e fazer a mudança.”   

Fonte: Redação cljornal

OUTRAS NOTÍCIAS