Fernando Alonso ganha GP da China com tranquilidade e Massa fica em 6º

Fernando Alonso da Ferrari sai da terceira posição para o primeiro no início da prova; Kimi cruza linha de chegada em segundo, e Vettel quase tira pódio de Hamilton

Fernando Alonso quando usa da palavra esbanja tanta confiança, que é apontado por muitos como prepotente, arrogante. Durante a semana, foi irônico ao dizer que “não dormia direito e perdia os cabelos” com a boa fase do companheiro de Ferrari, Felipe Massa.

No sábado, após obter o terceiro lugar no grid de largada em Xangai, garantiu: não se preocupava com o pole Lewis Hamilton, tampouco com Sebastian Vettel, que largava em nono.

 

Foi um discurso firme, correspondido na pista. O espanhol, definitivamente, se garante. Neste domingo, com uma atuação impecável, ele provou que ninguém seria capaz de tirar sua vitória, muito menos seu sossego.

Ultrapassou Kimi Raikkonen na largada, tomou a ponta de Hamilton três voltas depois e, com um ritmo forte aliado a uma estratégia cirúrgica, não teve problemas para vencer o GP da China.

Foi seu primeiro triunfo na temporada, o 31º na carreira, o que o coloca ao lado do inglês Nigel Mansell como quarto piloto com mais vitórias na história da Fórmula 1, atrás apenas de Michael Schumacher (91), Alain Prost (51) e Ayrton Senna (41).

Raikkonen cruzou em segundo, e a emoção ficou por conta do duelo pelo terceiro lugar. Vettel, que havia apostado em uma estratégia de uma parada a menos que os primeiros colocados do grid, colou em Hamilton na última volta e por poucos metros não tirou o pódio do britânico da Mercedes. Apesar do quarto lugar, o alemão da RBR se manteve na liderança do campeonato, com 52 pontos, três pontos à frente de Raikkonen, e a nove de Alonso.

 

Resultado final do GP da China (56 voltas):

1- Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – 1h36m26s945
2- Kimi Raikkonen (FIN/Lotus) – a 10s100
3- Lewis Hamilton (ING/Mercedes) – a 12s300
4- Sebastian Vettel (ALE/RBR) – a 12s500
5- Jenson Button (ING/McLaren) – a 35s200
6- Felipe Massa (BRA/Ferrari) – a 40s800
7- Daniel Ricciardo (AUS/STR) – a 42s600
8- Paul di Resta (ESC/Force India) – a 51s000
9- Romain Grosjean (FRA/Lotus) – a 53s400
10- Nico Hulkenberg (ALE/Sauber) – a 56s500
11- Sergio Perez (MEX/McLaren) – a 1m03s800
12- Jean-Eric Vergne (FRA/STR) – a 1m12s600
13- Pastor Maldonado (VEN/Williams) – a 1m33s800
14- Valtteri Bottas (FIN/Williams) – a 1m35s400
15- Jules Bianchi (FRA/Marussia) – a 1 volta
16- Charles Pic (FRA/Caterham) – a 1 volta
17- Max Chilton (ING/Marussia) – a 1 volta
18- Giedo van der Garde (HOL/Caterham) – a 2 voltaS

Não completaram

Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – na 22ª volta
Mark Webber (AUS/RBR) – na 16ª volta
Adrian Sutil (ALE/Force India) – na 6ª volta
Esteban Gutierrez (MEX/Sauber) – na 5ª volta

Volta mais rápida: Sebastian Vettel (ALE/RBR) – 1m36s808

 

Fonte: G1/Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS