Primo do goleiro Bruno é detido após assaltar taxista e capotar veículo da vítima

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

Um adolescente de 16 anos que se identificou como primo do goleiro Bruno e um amigo dele foram apreendidos após assaltar um taxista e provocar capotagem de uma viatura policial em Ribeirão das Neves, na Grande BH, no final da noite dessa segunda-feira (9).

 

De acordo com a Polícia Militar, o garoto mais velho, M.J.E.N, e o mais novo I.S.R.T, abordaram o taxista na praça São Vicente, no bairro Carlos Prates, na região noroeste da capital mineira. Em seguida, a dupla fingiu ser cliente e pediu uma corrida até Ribeirão das Neves. No entanto, na BR-040, altura do bairro Colonial, os adolescentes sacaram uma arma e uma faca e anunciaram o assalto.

 

Com medo de ser ferido, o motorista não reagiu, entregou todo o dinheiro do dia e a direção do táxi. Mas, os garotos agrediram o condutor e ainda o trancaram no porta-malas. Na sequência, um dos assaltantes assumiu a direção do táxi e ambos fugiram em alta velocidade no sentido do centro de Ribeirão das Neves. Entretanto, o taxista conseguiu acionar um dispositivo, abrir o porta-malas e fugir ainda com o carro em movimento.

 

Assustada, a vítima pediu ajuda para militares da 202ª Companhia do 40º Batalhão da PM, que localizaram os bandidos e o táxi na rua das Acácias, que é sem saída. Ao notar a presença da polícia, os adolescentes, novamente, tentaram fugir e o garoto que dirigia jogou o táxi em uma ribanceira de em torno de 4 m de altura.

 

O mesmo aconteceu com a viatura policial que seguia os assaltantes, uma vez que o policial que a conduzia não conseguiu frear a tempo. O veículo oficial capotou várias vezes antes de cair no buraco. Depois do acidente, um dos garotos ainda atirou contra os militares, que revidaram. Com a troca de tiros, um dos criminosos foi atingido na perna e os dois detidos em flagrante.

 

Conforme a PM, devido ao acidente, três militares ficaram feridos e foram encaminhados ao Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte. Um dos policiais foi socorrido inconsciente e o assaltante baleado levado para a mesma unidade de saúde que os oficiais.

 

Fonte: Redação/ R7

OUTRAS NOTÍCIAS