Vergonha nacional: Agricultor desapropriado pela Transnordestina recebe R$ 5,39

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

A União indenizou com R$ 5,39 um agricultor do Piauí cuja terra faz parte do traçado da ferrovia Transnordestina, uma das principais obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal.

De acordo com reportagem da Folha, o proprietário da área não conseguiria nem ir ao fórum contestar a quantia paga pela desapropriação com o valor recebido, correspondente a menos de um centavo por metro quadrado.

Nelson do Nascimento, 67 anos, vive na comunidade quilombola Contente, em Paulistana, por onde passa a ferrovia, que ligará o sertão do Piauí ao litoral do Ceará e de Pernambuco.

Com a obra da Transnordestina – ao todo, são 1.728 quilômetros – o agricultor não sabe se conseguirá chegar à roça de onde tira seu sustento, já que a ferrovia inclui uma área que utiliza como acesso de aproximadamente 583 m².

Pelo menos 21 famílias da comunidade contestam os valores recebidos pela desapropriação, segundo o procurador da República Francisco Forte.o

É pobre sendo humilhado, maltratado e por que não dizer, roubado no seu patrimônio.  

Fonte: Redação, foto: Efrém Ribeiro

OUTRAS NOTÍCIAS