EUA e Colômbia conduzem exercícios militares em região fronteiriça com Venezuela

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email
© CC BY 2.0 / DVIDSHUB

De 9 a 20 de março, militares da Colômbia e dos Estados Unidos participam de exercícios militares bilaterais, denominados Exercício Vida, em diferentes zonas do departamento de La Guajira, região fronteiriça com a Venezuela.

Segundo um comunicado conjunto do governo de Iván Duque e da embaixada dos EUA em Bogotá, os exercícios, que decorrem entre 9 e 20 de março, visam fornecer assistência médica aos habitantes das comunidades indígenas dos municípios de Carrizal, Tres Bocas, Porshina y Jojoncito.

Os exercícios são liderados pela equipe médica da Força-Tarefa Conjunto Bravo dos EUA e pelas Forças Militares da Colômbia.

“O Exercício Vida tem como propósito realizar um entretenimento combinado de militar a militar e refletir o compromisso, as boas relações e o trabalho em conjunto entre os Exércitos da Colômbia e dos EUA; capacitando-os em operações estratégicas, médicas e táticas, fortalecendo suas competências e preparando-os para responder e reagir de maneira associada perante desastres humanitários”, indicou o comunicado.

O exercício incluirá a utilização de helicópteros do 1-228 Regimento de Aviação dos EUA, que irá prestar apoio às operações médicas de assuntos civis em áreas remotas enquanto também será realizado um treinamento de interoperabilidade com as forças militares colombianas, escreve portal notimérica.

Em 5 de março, militares das Forças Armadas venezuelanas apreenderam vários tipos de armas em um avião proveniente da Colômbia no Aeroporto Internacional de Valência, no estado de Carabobo.

No fim do mês passado, o presidente venezuelano, Nicolás Maduro, anunciou a criação de um corpo nacional especial destinado a neutralizar grupos irregulares enviados da Colômbia e dos EUA.

 

Sputnik

OUTRAS NOTÍCIAS