A Dama da Internet

Trinta e quatro anos separam Solange de Luísa. Mas alguns fatos as unem. O principal deles é o trauma que ambas sofrem na noite de núpcias. Solange é estuprada pelo marido. Luísa não chega a tanto, mas sua primeira noite depois de casada deixa muitíssimo a desejar. A partir disso, cada uma tenta trabalhar sua sexualidade de uma maneira. Solange começa a fazer sexo com desconhecidos que encontra na lotação. Luísa, depois de descobrir-se traída, decide se vingar do marido utilizando as redes sociais como arma.

 

Mas o sexo, mesmo que presente nas quase 200 páginas do romance, é mais sugerido do que colocado em prática. “Ainda que a dramaturgia sexual exista o tempo inteiro, o que mais atrai a personagem é o poder da mulher, que é uma coisa quase sexual. Esse tipo de prazer é até mais duradouro”, finaliza.

Romance: A Dama da Internet
De Neville D’Almeida
Editora Casa da Palavra
198 páginas

 

Fonte: Redação

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

OUTRAS NOTÍCIAS