Deputado Carletto quer tipificar crime de falsa comunicação de ocorrência

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email
Deputado Eduardo Carletto

Tipificar o crime de falsa comunicação de ocorrência. Esse é o objetivo do Projeto de Lei nº 3688/2015, do deputado federal Ronaldo Carletto (PP).

De acordo com o parlamentar, no artigo 340 do Código Penal Brasileiro, já está tipificado o crime de comunicação falsa de crime ou de contravenção, com pena de detenção de um a seis meses ou multa.

Porém, esse tipo penal não abrange a comunicação falsa de ocorrência de sinistro ou de outra situação de perigo que implique o acionamento das polícias Civil ou Militar, do Corpo de Bombeiros Militar ou de outros órgãos responsáveis por atendimentos médicos de urgência.

“Para corrigir essa omissão legal, estamos propondo a inclusão, no Código Penal Brasileiro, do artigo 336-A, no qual é tipificado o crime de falsa comunicação de ocorrência, o que permitirá que sejam punidos os responsáveis pelo acionamento, a título de brincadeira, de órgãos ou serviços relevantes para o atendimento de emergência da população brasileira, como o Corpo de Bombeiros Militar, o Serviço de Atendimento Médico de Urgência (SAMU) e as polícias Civil e Militar. Espera-se que o caráter intimatório da pena sirva para coibir essa prática nefasta para toda a sociedade”, enfatizou Carletto.

 

Fonte: Ascom do deputado federal Ronaldo Carletto (PP)

OUTRAS NOTÍCIAS