Forças Armadas devem começar a vacinar população, diz Bolsonaro

Exército na vacinação do povo

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (3) que as Forças Armadas podem ajudar a aplicar vacinas contra covid-19 na população.

“As Forças Armadas estão à disposição para começar também a vacinar, colaborar para vacinar. Praticamente todos os quartéis do Brasil têm esta condição”, disse Bolsonaro ao lado do ministro da Defesa, Walter Braga Netto, com quem visitou uma associação beneficente.

Enquanto tomava de uma sopa que seria oferecida a pessoas em necessidade, Bolsonaro disse que o governo tem combatido a covid-19 com a vacinação, mas que “tudo tem limite”.

Ele voltou a afirmar que não concorda com a política do “fecha tudo” no combate à pandemia.

“A guerra, da minha parte, não é política, é uma guerra que, realmente, tem a ver com o futuro da nação. Não podemos esquecer a questão do emprego”, acrescentou o presidente.

Ele disse que governos estaduais têm imposto medidas restritivas mais severas, mas as circunstâncias dentro dos próprios estados variam.

Este cara não tem nenhuma noção da realidade, não sabe analisar situações, não sabe o que representa a ação do lockdown, agora que envolver o Exército no processo de vacinação, quando na realidade não dispões de vacina suficiente para exigir tal mobilização.

Políticos do país a quem declarou subserviência pede que seja analisada uma provável intervenção no Brasil, que vem se tornando uma ameaça sanitária ao mundo.

A única solução para esse problema só será encontrada se cortarem a cabeça da serpente.

cljornal com informações da Agência Brasil.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS