Tempo - Tutiempo.net

Mais um pedido de impeachment na Câmara é assinado por Xuxa, Felipe Neto e Fábio Porchat

Felipe Neto, Xuxa e outras celebridades de diferentes gerações e áreas assinaram pedido de impeachment contra Jair Bolsonaro

Um grupo de 15 personalidades protocolou na Câmara dos Deputados, nesta segunda-feira (24/5), mais um pedido de impeachment contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

O ofício é assinado por um movimento intitulado “Vidas Brasileiras”, que afirma não estar “ligado a partidos políticos nem a qualquer organização ou agremiação”.

“Somos integrantes da sociedade civil brasileira, das mais diferentes áreas, origens e convicções, sendo que o que nos une é a necessidade urgente de mudanças na condução política-administrativa do Brasil, sobretudo na área da saúde”, diz o manifesto no site do grupo.

A peça, endereçada ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), lista uma série de atos de Bolsonaro que configurariam crime de responsabilidade.

Entre as políticas destacadas no documento estão o estímulo ao uso de medicamentos sem eficácia comprovada contra a covid-19 e o desprezo ao uso de máscaras como forma de combater a disseminação do novo coronavírus.

O pedido é assinado por:

Ailton Krenak, filósofo e escritor indígena;
Chico César, músico e ativista;
Cristina Serra, jornalista;
Fábio Porchat, humorista e apresentador;
Felipe Neto, youtuber;
Hermes Fernandes, pastor e teólogo;
Julia Lemmertz, atriz;
Padre Júlio Lancellotti, ativista;
Ligia Bahia, militante feminista;
Marcelo Gleiser, astrônomo;
Raduan Nassar, escritor;
Vanderson Rocha, médico;
Veronica Brasil, mulher trans vereadora de Aracaju (SE);
Walter Casagrande, comentarista e ex-jogador de futebol;
Xuxa Meneghel, apresentadora.

O documento de 42 páginas tem como representantes legais os advogados Breno Melaragno Costa, João Pedro Pádua e Júlia Alexim, todos credenciados na seccional da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) do Rio de Janeiro.

“A prática intencional e reiterada de crimes de responsabilidade pelo presidente da República Jair Messias Bolsonaro torna necessária a ação do Poder Legislativo, que é o Poder competente para fiscalizar as ações do Poder Executivo e que deve atuar para proteger a integridade da nossa ordem constitucional, bem como para proteger a saúde e a vida da população”, cobra o movimento “Vidas Brasileiras”.

Levantamento monitora pedidos de impeachment

Desde o início do governo Bolsonaro, foram enviados 117 pedidos de impeachment ao presidente da Câmara dos Deputados, sendo 64 pedidos originais, 7 aditamentos e 46 pedidos duplicados. Até agora, apenas 6 pedidos foram arquivados ou desconsiderados. Os outros 111 aguardam análise.

As informações são de levantamento feito pela Agência Pública de Jornalismo Investigativo. O monitoramento aponta que, ao todo, 1.490 pessoas e mais de 500 organizações assinaram pedidos de impeachment de Bolsonaro.

Edição: Vinicius Segalla

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS