Operário morre ao cair de altura de 35 metros na Arena da Amazônia

 

Um operário morreu após cair de altura de 35 metros, na madrugada deste sábado (14), no canteiro de obras da Arena da Amazônia. A vítima era Marcleudo de Melo Ferreira, de 22 anos, natural de Limoneiro do Norte, no Ceará.Ele trabalhava na montagem da cobertura do estádio que deverá sediar a Copa do Mundo em Manaus.

Funcionários da obra relataram que o operário caiu em cima de uma cadeira, que ficou danificada, próximo ao escanteio no lado direito do estádio.

O homem foi encaminhado ainda com vida ao Pronto-Socorro 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul da capital, mas não resistiu e faleceu nesta manhã. O corpo passa por perícia no Instituto Médico Legal (IML).

Em janeiro, relatório do Ministério Público do Trabalho (MPT 11ª Região) afirmou que as condições de trabalho na arena eram precárias. A situação foi considerada grave. De acordo com o órgão, diversas irregularidades foram encontradas durante fiscalização surpresa, como operários sem equipamentos de proteção coletiva em locais com risco de queda ou de projeção de materiais, aberturas no piso sem sinalização, entre outras.

Fonte: Redação/G1

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS