Tempo - Tutiempo.net

Procuradoria vai investigar governo Bolsonaro por corrupção na compra da Covaxin

Vacina, propina e corrupção governo Bolsonaro

O MPF (Ministério Público Federal) do Distrito Federal abriu investigação criminal para apurar as irregularidades no contrato para compra da vacina indiana Covaxin assinado entre o governo Bolsonaro e a Precisa Medicamentos, empresa intermediária da Bharat Biotech.

O procurador Paulo José Rocha Júnior já determinou as primeiras diligências a serem feitas para o início das investigações, informa a Folha de S.Paulo.

A Polícia Federal também instaurou inquérito para investigar a compra da Covaxin pelo governo Bolsonaro.

A Procuradoria vê indícios de crimes contra a administração pública, “sobretudo a saúde pública e ao erário federal”, conforme despacho de Paulo José Rocha Júnior .

O procurador do Distrito Federal pediu à PGR (Procuradoria-Geral da República) para examinar se abre um procedimento de cooperação internacional que questione a Bharat Biotech.

O questionamento será sobre a existência de contatos diretos com o Ministério da Saúde, sobre a política de preços praticada, sobre a existência de outros contratos com intermediários e sobre a necessidade da intermediação da Precisa no processo.

Reuters

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS