Tempo - Tutiempo.net

Empresário é preso pela Federal durante Operação Tempestade no Deserto em Feira de Santana

Extração de areia sem autorização ambiental

A Polícia Federal, em conjunto com o Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), deflagrou a Operação Tempestade no Deserto, a qual resultou na prisão em flagrante de duas pessoas por realizarem extração, transporte e comércio de recursos minerais em areais da região de Humildes, em Feira de Santana Bahia.

Segundo informações da Polícia Federal, a empresa a qual essas pessoas eram vinculadas não possuía autorização dos órgãos ambientais competentes para a realização dessa atividade.

Outras três pessoas foram conduzidas a prestar depoimento na Superintendência Regional da Polícia Federal, em cidade de Salvador, e logo depois foram liberadas. Na ação, dois veículos foram apreendidos.

Ainda de acordo com a Federal, a operação visa coibir a prática da atividade ilegal de extração, que além de prejuízo aos cofres públicos, gera, ainda, danos ambientais decorrentes da extração sem o controle necessário.

Dentre os envolvidos, havia um empresário (nome não revelado pela PF) da região, tendo a Polícia Federal identificado as empresas envolvidas com a extração e o transporte do material, que seria revendido na cidade de Conceição do Jacuípe.

Os criminosos foram indiciados nas penalidades do artigo 55 da Lei 9.605/98 (lei de crimes ambientais) em concurso com o artigo 2º da Lei 8.176/91 (lei de Crimes contra à ordem econômica).

Após lavrado o auto de prisão em flagrante, os mesmos foram conduzidos ao presídio local, onde ficarão à disposição da Justiça Federal.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS