Estudante de Medicina é presa com 1,5kg de cocaína, estimada em R$ 75 mil

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

Uma estudante de Medicina foi presa no fim da tarde da última quarta-feira (28) com um quilo e meio de cocaína do tipo “nine-nine”, com 99% de teor de pureza. A droga foi apreendida em um posto de combustível às margens da BR-116 entre as cidades de Serrinha e Teofilândia.

 

Luciana Martins Ribeiro, de 22 anos, estava com a substância em um fundo falso de sua mochila e foi detida. A polícia agora investiga a identidade do destinatário da droga em Serrinha, onde ocorrerá na próxima semana (entre 5 e 8 de setembro), a tradicional vaquejada da cidade.

 

Natural de Rondônia, Luciana afirmou durante interrogatório que saiu da Bolívia no domingo (25) de avião até Goiânia. De lá, ela partiu para a Bahia em um ônibus. Segundo ela, um homem na Bolívia a contratou para trazer a cocaína até Serrinha e, pelo transporte, ela receberia a quantia de US$ 2 mil quando retornasse ao país, onde cursa Medicina.

 

O alto índice de pureza da substância foi averiguado pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT). Estima-se que o quilo da droga seja vendido por cerca de R$ 50 mil, de modo que a estudante estava em posse de R$ 75 mil em drogas.

 

Luciana foi autuada em flagrante e deverá ser encaminhada para o presídio de Feira de Santana. A cocaína ficará apreendida na 15ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Serrinha) até que a Justiça autorize sua incineração.

 

Fonte: Redação/ Correio

OUTRAS NOTÍCIAS