Tempo - Tutiempo.net

Menina de 12 anos tenta suicídio após ser abusada sexualmente

Prisão de suspeito de estuprar menina de 12 anos

Nesta segunda-feira (03), em Goiás , um homem de 68 anos foi apreendido sob a suspeita de estuprar uma menina de 12 anos, ela possui deficiência mental, após ela ser levada para casa dele.

A menina tentou suicídio, de acordo com o delegado Igor Dalmy Moreira. O caso aconteceu em Iporá, a 226 quilômetros de Goiânia.

O delegado titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEM) de Iporá, declarou que o crime aconteceu no dia 13 de abril, dia em que as autoridades passaram a investigar o suspeito.

“Após o estupro, a criança tentou cortar seu próprio pescoço com uma faca, por duas vezes, e disse aos seus pais que deseja morrer”, disse o delegado.

De acordo com o andamento das investigações, o homem já foi casado com uma tia da menina e teria se aproveitado do vínculo para frequentar a casa da família da criança .

“Na tarde de 13 de abril, a menina caminhava até residência de sua avó, quando foi aliciada pelo indiciado”, relatou Moreira.

O delegado ainda conta que o suspeito continuou com a ação mesmo escutando os gritos da vítima .

“Ele a levou até o banheiro de sua casa, onde disse que amava a menina e queria se casar com ela. Em seguida, ignorando o choro e os gritos da criança por socorro, ele a estuprou no banheiro e no quarto”.

O homem ainda quis de alguma forma, compensar a vítimas após o abuso cometido.“Depois dos atos, ele deu dois reais para a vítima e disse para ela comprar balinhas, dispensando-a do local”, disse Moreira.

Conforme a apuração do caso, o abusador já havia perseguido e tentado abusar sexualmente da tia da menina , há 30 anos, quando ela era uma adolescente.

“Essa tia decidiu fugir de Iporá para o Estado de Minas Gerais, aos 14 anos de idade, a fim de fugir do mesmo agressor”, ressaltou o delegado.

“Acredito que o preso possui fixação sexual por crianças dessa família”, ressaltou.

Deam de Ipora

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS