Tempo - Tutiempo.net

Menina de 17 anos denuncia patrão por importunação sexual: “Você é um monstro”

Uma adolescente de 17 anos denunciou o patrão por importunação sexual no última dia 25 de março. O caso de assédio ocorreu na loja onde ela trabalha, no centro de Votorantim, interior de São Paulo.

Segundo a ocorrência, registrada na Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) da cidade, o chefe da funcionária menor de idade chegou a passar a mão nos rasgos da calça da adolescente. A vítima pedia por respeito e empurrava a mão do patrão, que mandava mensagens dizendo que a amava e que queria se casar com ela.

De acordo com o boletim, a mãe da vítima contou que ela é funcionária da loja havia dois meses e que o dono do estabelecimento pediu à menor de idade que terminasse o namoro para ficar com ele.

A jovem pediu ajuda para outra funcionária. Nas mensagens, ela dizia que estava tremendo e não sabia o que fazer.

A vítima explicou que, naquele momento, o chefe estava com um olhar diferente e a teria puxado pelos braços no fundo da loja e passado a mão em suas costas.

Depois da denúncia, o suspeito chegou a mandar mensagens para a jovem pedindo desculpas e dizendo que estava arrependido, segundo a vítima.

“Você é um monstro“, escreveu a menor de idade ao patrão, dizendo que iria denunciá-lo à polícia.

Uma funcionária de outra loja, que pertence ao mesmo homem, disse à polícia que também passou por situações parecidas, nas quais ele apresentava atitudes maliciosas. A ocorrência será investigada pela DDM de Votorantim.

O assédio sexual por emperesários a funcionárias é uma constante, muitas das vezes o patrão utiliza  o emprego como forma de pressão para atin gir seus objetivos.

Uma grande parte das mulheres assediadas no emprego não denunciam com a esperança de não pewrder o emprego, algumas se submetem às investidas do patrão.

Com informações do G1

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS