Tempo - Tutiempo.net

Ministro do STJ autoriza Maria do Socorro a retirar tornozeleira eletrônica

Maria do Socorro Barreto Santiago

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Og Fernandes autorizou a desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, investigada na Operação Faroeste, a retirar a tornozeleira eletrônica.

Ela foi presa em novembro de 2019 após tentar destruir provas relacionadas a um esquema de compra e venda de sentenças no Oeste baiano.

Em sua decisão, Og diz que, “após oito meses, ainda não foi possível concluir a instrução processual com a realização do interrogatório dos acusados, por motivos alheios à esfera de atuação da imputada”. […]

“Não há nos autos informação de que ela tenha violado de alguma forma a monitoração eletrônica ou qualquer outra medida restritiva imposta nestes autos.

Assim, o lapso temporal e a postura da acusada revelam a desnecessidade da manutenção da medida cautelar de monitoração eletrônica”, diz.

Com informações do BN

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS