Tempo - Tutiempo.net

Polícia divulga estatística com redução de homicídios no 1º semestre em Feira de Santana

Cris, produtor de eventos covardemente assassinado.

A Polícia apresentou a estatística de homicídios registrados no mês de junho de 2015. Com 23 homicídios cometidos, foi verificado aumento na violência em Feira de Santana, com relação ao mesmo período do ano passado.

Mês de junho

2015 – 23 homicídios; 2014 – 20; 2013 – 33; 2012 – 32; 2011 – 30; 2010 – 37; 2009 – 25; 2008 – 19; 2007 – 21; 2006 – 19.

Segundo a estatística policial, 20 homens foram mortos a tiros, e outros dois por golpes de faca.

Uma mulher foi morta em decorrência de espancamento, elevando para oito no semestre. Três menores foram executados no mês passado, aumentando para 14, o número de adolescentes mortos no ano.

Ainda segundo a estatística, sete crimes foram praticados por pessoas que se utilizaram de motos para fugir. Três autos de resistência foram lavrados por agentes da polícia civil no ano, e 13 nos seis primeiros meses.

Comparação

Já os números de assassinatos no 1º semestre de 2015, em comparação ao mesmo período do ano passado, teve uma grande redução em Feira de Santana. Segundo dados estatísticos do repórter Denivaldo Costa, do programa Subaé Notícias.

As autoridades policiais do município também enfatizaram que os números foram reduzidos, conforme dados da instituição policial.

Estatística – 1º semestre de 2015

Nesse período, 146 assassinatos foram registrados no município de Feira, e também ocorreram 13 autos de resistência (troca de tiros entre policiais e bandidos). Houve também 9 mortes no presídio de Feira de Santana, ocorridas durante rebelião.

Quatro latrocínios (roubo seguido de morte) marcaram o período, o que gera um total de 172 mortes violentas no ano.

Estatística – 1º semestre de 2014

No primeiro semestre do ano passado foram registrados 211 assassinatos no município de Feira, e também ocorreram 19 autos de resistência (troca de tiros entre policiais e bandidos).

Sete latrocínios (roubo seguido de morte) marcaram o período, o que gera um total de 237 mortes violentas no ano.

Foram 213 homens mortos nos primeiros seis meses desse ano, sendo 195 vítimas de tiros, e 13 com golpes de arma branca; ou seja, a facadas.

O número de menores mortos chegou a 25, enquanto sete mulheres foram baleadas e não resistiram, enquanto um caso foi registrado como vítima de queimaduras e outro homicídio por golpes de faca.

Os homens que praticaram assassinatos, e fugiram em motocicletas disparou para 46 ocorrências.

Diversos bairros, além de conjuntos residenciais, loteamentos e distritos do município tiveram registros de assassinatos.

2013

Já em 2013, foram registrados 153 homicídios, além de 14 autos de resistência.

Ainda no mesmo período, quatro latrocínios foram investigados pela Delegacia de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), o que gerou um total de 171 mortes violentas.

De acordo com a estatística, 147 homens foram mortos, sendo 135 vítimas de tiros e quatro com golpes de arma branca. Os números ainda revelam que 11 adolescentes foram mortos, e 9 mulheres faleceram após disparos de arma de fogo. Os homens que praticaram homicídios e fugiram em motos, chegou a 41 casos.

2012

Foram registrados 230 homicídios, 11 latrocínios e 5 autos de resistência foram registrados pela polícia no ano de 2012. No total, 246 mortes violentas foram contabilizadas pelo setor de estatística deste blog policial.

2011

No ano de 2011, a estatística apontou 165 homicídios, 11 latrocínios e 6 altos de resistência, totalizando 182 mortes violentas.

2010

E no de 2010, foram registrados 215 homicídios, 10 latrocínios e 15 altos de resistência, totalizando 240 mortes violentas.

                                                                                                                                    Estatística Polícia Civil/Feira de Santana

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS