Tempo - Tutiempo.net

Polícia localiza envolvidos na chacina de Mata de São João na madrugada desta segunda-feira (29)

Coletiva da Polícia Civil

Nesta terça-feira (29), a Polícia Civil da Bahia, através do Departamento de Polícia Metropolitana (Depom), compartilhou detalhes das ações que levaram à identificação de três suspeitos envolvidos na trágica chacina que vitimou nove pessoas no município de Mata de São João, ocorrida no último dia 28.

Em coletiva de imprensa realizada no auditório do complexo de Departamentos da Polícia Civil, a diretora do Depom, delegada Christhiane Inocência Coelho, esclareceu aspectos do caso.

Segundo Coelho, as operações policiais resultaram na morte de dois suspeitos em um confronto que se desenrolou nas primeiras horas desta terça-feira, em uma área de mata, nas proximidades do local da chacina.

“Durante a troca de tiros, um terceiro indivíduo foi detido sob suspeita de envolvimento em homicídio qualificado. Os suspeitos resistiram à prisão e reagiram atirando contra os agentes.

Os dois baleados foram socorridos e levados para o hospital, mas não resistiram. Além das fatalidades e da detenção, um quarto suspeito permanece foragido, estamos intensificando esforços para localizá-lo”, disse a delegada.

“Os três suspeitos que entraram em confronto com o polícia já possuíam mandado de prisão em aberto. O quarto envolvido no crime também possui uma longa lista no envolvimento com o tráfico e faz parte do mesmo grupo”, afirmou a delegada.

Na busca minuciosa realizada, a Polícia Civil apreendeu pistolas, munições, rádios comunicadores e substâncias entorpecentes em posse dos suspeitos. Esses itens fornecem informações valiosas para a investigação em curso.

O crime

A chacina ocorreu na manhã de segunda-feira e deixou um cenário de devastação com nove mortos.

Sete vítimas, incluindo três crianças, foram carbonizadas.

As evidências sugerem fortemente que todas as vítimas tenham laços familiares. A identificação completa das vítimas permanece em andamento, assim como a divulgação dos nomes dos suspeitos envolvidos no crime.

Tácio Santos

OUTRAS NOTÍCIAS