Tempo - Tutiempo.net

Traficante ‘ostentação’ é preso em hotel de luxo de Copacabana

Apontado como o responsável por um esquema que roubava carros e trocava por drogas na fronteira do Mato Grosso do Sul com o Paraguai – que posteriormente eram revendidas em diversos estados do país – e acusado de fazer parte de uma facção criminosa que atua no Norte do país, o traficante Kaue Vitor Santos da Silva, de 32 anos, foi preso por agentes da Delegacia Especializada em Armas, Munições e Explosivos (Desarme) , no domingo, em um hotel de luxo em Copacabana, na Zona Sul do Rio.

Contra ele, há um mandado de prisão em aberto por porte ilegal de armas.

Ele responde ainda a processo por organização criminosa e tráfico de drogas.

Velho conhecido da polícia, o bandido havia chegado na capital fluminense no sábado e passava o carnaval em família.

Kaue tem também anotações criminais por tentativa de homicídio, roubo, tráfico de drogas, furto e posse ilegal de arma.

Kaue foi preso em 2017, apontado como um dos chefes de uma organização criminosa que comandava um esquema onde carros roubados eram levados para a fronteira do Mato Grosso do Sul, sendo trocados por drogas, que eram enviadas a outros estados, inclusive o Rio.

Após quatro anos preso em um presídio federal, ele aproveitou o benefício de saidinha, temporária em outubro do ano passado, e fugiu.

Desde então ele era considerado foragido e era monitorado pela Diretoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Mato Grosso do Sul e pela Agência Brasileira de Inteligência (Abin).

Kaue havia chegado ao Rio no sábado com a família, hospedando-se em um hotel em Copacabana, onde foi capturado, após ser monitorado por policiais, quando voltava de um passeio no Cristo Redentor.

O traficante ‘ostentação’ chegou a fazer postagens da praia de Copacabana e de um hotel de luxo no local, para parecer que estava hospedado neste hotel, o que não era verdadeiro.

A Polícia Civil ainda investiga a relação de Kaue com traficantes de drogas e armas, que são transportadas de outros estados para o Rio.

Com informações da ABIN

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS