Tempo - Tutiempo.net

Bolsonaro afronta governador Renan Filho e ocupa ruas com Exército durante visita a Alagoas

Bolsonaro provoca guerra de outdoors em Alagoas

Jair Bolsonaro visita o estado de Alagoas nesta quinta-feira (13), governado pelo filho de Renan Calheiros, Renan Filho e  Faz uma provocação sem precedentes:

Em vez das tropas da Política Militar, quem fará a segurança presidencial será o Exército.

Os militares irão ocupar as ruas de Maceíó, numa tentativa de ameaçar e intimidar politicamente o relator da CPI da Covid-19 e seu filho, após Renan chamar Flávio Bolsonaro de “ladrão” durante sessão no Senado.

Ele irá ao local para inaugurar uma obra feita pelo governo de Renan Filho com recursos federais liberados ainda nos governos de Dilma Rousseff e Michel Temer.

Habitualmente, quem faz o serviço da segurança presidencial é a Polícia Militar, mas de última hora Bolsonaro resolveu mudar o esquema, optando pelo Exército.

“É um ataque ao federalismo. Vai inaugurar obra em Alagoas sem o governador. Mandou o Exército fechar as ruas lá para intimidar”, diz Calheiros, segundo informa a coluna Radar, do Portal Veja.

Brasil

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS