Deputado petista avalia governo Dilma como os piores anos da reforma agrária no país

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

O deputado federal Valmir Assunção (PT) definiu o atual governo como “os piores anos para a reforma agrária no Brasil” e criticou mais uma vez a demora na assinatura, pela presidente Dilma Rousseff, de decretos de desapropriação de terras.

 

De acordo com o parlamentar, há 149 decretos relativos à Bahia, onde vivem 50 mil pessoas acampadas. “Quero ainda lembrar que esses 149 decretos, que representam 149 novas áreas de assentamento na Bahia, estão incluídas, em sua maioria, dentro dos 11 territórios do Brasil sem Miséria, prioridade do nosso governo”, disse o deputado.

 

Ao comentar a ocupação da sede do Instituto Nacional de Reforma Agrária (Incra) em Salvador, o petista acusou o governo federal de descaso em relação ao tema. “A ocupação do Incra em Salvador tem exatamente a mesma pauta que temos denunciado aqui em tribuna: a completa paralisação da reforma agrária na Bahia e no país”, defendeu.

 

Fonte: Redação/ Bahia Notícias

OUTRAS NOTÍCIAS