Tempo - Tutiempo.net

Banco de Leite participa de Semana Mundial de Aleitamento Materno

Seduc e Instituto Ayrton Senna avaliam programas Se Liga e Acelera Brasil - Escola Antônio Gonçalves da Silva comemora dois anos de fundação - Caravana do Esporte movimenta atividades na Escola Acioly Araújo

Campanha de doação

O Banco de Leite do Hospital da Mulher participa, até o dia 7, da Semana Mundial de Aleitamento Materno, que neste ano tem como tema “Presente saudável, futuro sustentável”.

Hoje, a unidade presenteia a primeira criança nascida nesta segunda-feira com um enxoval. Na terça-feira, será realizada uma tarde cultural para as mães cujos filhos participam do Mãe Canguru e da Casa da Puérpera.

Na quarta-feira, será realizada uma palestra denominada “Encontrinho de Aleitamento”, para estudantes do sexto ano da Escola Lírio dos Vales, pela equipe do Banco de Leite.

Nos dias 4 e 6, no Auditório do Banco de Leite, acontecerá curso de manejo da lactação materna e no sábado, no centro da cidade, mães serão homenageadas.

A reposição do estoque do Banco de Leite do Hospital da Mulher varia entre 1,5 litro e três litros, diariamente. No mesmo período, a demanda, não raro, se aproxima de três litros.

Nem sempre as doações são pasteurizadas na sua totalidade. Problemas com a qualidade do produto são constatados e frascos são descartados.

Por isso, o leite à disposição dos recém nascidos nos freezers sempre está no limite. “É uma situação preocupante”, diz a enfermeira Talitha Rios, do BLH.

A quantidade de leite consumida por um recém nascido, a depender da prescrição, varia de três a dez mililitros, a cada ruas ou três horas.

O Hospital da Mulher oferece vagas na UTI Pediátrica e em outros setores. E são para estas crianças que o leite do banco é direcionado, principalmente.

O abastecimento do Banco de Leite é feito por mulheres doadoras. Atualmente, este grupo é formado por mais de 50 pessoas, que repassam o excedente à instituição.

Seduc e Instituto Ayrton Senna avaliam programas Se Liga e Acelera Brasil

Com o objetivo de avaliar as ações dos programas “Se liga” e “Acelera Brasil”, iniciativas do Instituto Ayrton Senna em parceria com a Secretaria de Educação, o comitê gestor e as lideranças dos programas se reuniram na última sexta-feira, 29, na Seduc.

O comitê tratou das atividades desenvolvidas em 50 escolas municipais e discutiu novas diretrizes.

Os dois programas promovem atividades dirigidas à aprendizagem dos alunos. A distorção idade-ano se verifica quando o estudante frequenta uma classe que não é compatível com a idade.

O programa “Acelera Brasil” tem como meta diminuir o espaçamento entre a série em que o aluno está matriculado e a sua idade; já o “Se Liga” envolve o trabalho com as crianças que ainda não foram alfabetizadas.

“Nossas reuniões acontecem bimestralmente e são importantes para avaliar as ações dos programas e também definir novos direcionamentos para as atividades. Percebemos hoje que avançamos em muitos pontos e há outros que ainda precisam ser melhorados”, explica a gerente do Instituto Ayrton Senna, Nelma Lopes Baptista da Silva.

Os programas atenderão turmas das escolas municipais até o ano de 2018. O próximo encontro do comitê gestor e das lideranças estratégicas acontecerá no dia 27 de setembro.

Escola Antônio Gonçalves da Silva comemora dois anos de fundação

Inaugurada em 31 de julho de 2014, a Escola Municipal Antônio Gonçalves da Silva, localizada no Parque Ipê, está comemorando dois anos de fundação com uma ampla programação.

Os eventos, que começaram na última quarta-feira, 27, seguiram até sábado, 30, e envolvem toda a comunidade escolar.

As atividades comemorativas foram iniciadas com uma reunião pedagógica, momento em que os professores fizeram uma avaliação das atividades dos últimos semestres e trabalharam no planejamento de novas ações.

Na última quinta-feira, 28, foi a vez da comemoração com os pais dos estudantes. Com a presença do psicólogo Ary Nepote, os responsáveis pelos alunos discutiram assuntos importantes como o Bullying.

Nesta sábado, a programação envolve os alunos da escola. Vão acontecer apresentações de coral, grupos de dança e diversas outras expressões artísticas.

Caravana do Esporte movimenta atividades na Escola Acioly Araújo

A Caravana do Esporte Educacional chegou à Escola Municipal Acioly da Silva Araújo, localizada no bairro Muchila II, na manhã desta sexta-feira, 29.

A ação integra o calendário de formação de professores, promovida pelo Centro de Referência Esportiva do Recôncavo da Bahia, da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia – UFRB, em parceria com a Petrobras e a Secretaria Municipal de Educação.

O evento esportivo teve como objetivo compartilhar a formação recebida pelos professores de nove escolas municipais com outros colegas e com os alunos.

A ideia do projeto é que cada professor possa se tornar um multiplicador dentro da escola, compartilhando a aprendizagem do esporte educacional com os colegas e alunos.

Os estudantes do 2º, 3º, 4º e 5º ano da Escola Municipal Acioly da Silva Araújo participaram de quatro oficinas realizadas na quadra da unidade: voleyboll, jogos diversificados e brincadeiras antigas.

“É muito gratificante poder repassar o que aprendemos com a formação. É enriquecedor poder ensinar atividades esportivas visando a socialização e não a competição.

Os alunos estavam muito ansiosos por este dia”, relata a professora Juciara Alves dos Santos, que atua na Acioly.

O aluno Rian Conceição de Jesus Silva, de 13 anos, faz esporte e acredita ter que a prática é importante.

“Faço capoeira e acho muito bom para a minha saúde. Incentivar o esporte é incentivar as crianças a seguirem um bom caminho”, diz.

A professora Ana Célia da Silva Braga, que atua no Centro Municipal de Educação Infantil Eduardo Miranda, trabalha com crianças da primeira infância; para o desenvolvimento das atividades, as crianças passam por adaptação.

“Na Educação Infantil, os alunos possuem um ritmo diferente, é necessário adaptar as atividades esportivas à faixa etária delas”, observa.

Secom

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS