Tempo - Tutiempo.net

Complicação no parto mata radialista

A comunicadora Marli Silva de 32 anos, da FM Vida da cidade de Martins (RN), morreu na manhã de ontem após sofrer uma hemorragia. Ela apresentava o programa “Toca Tudo”, no horário das 13:00 às 16:00 horas, pela FM Vida de Martins. Neste domingo (09), Marli apresentou um quadro hemorrágico após ser submetida ao parto prematuro de sua filha mas não resistiu. O bebê sobreviveu.

Aos prantos, o locutor José Nilson, transmitiu a dura notícia aos ouvintes da rádio espalhados pelo mundo inteiro, informando o inesperado falecimento da jovem e sua parceira de profissão há 17 anos.

O diretor da Rádio Vida, Erian Leite, comunicou que o corpo de Marli Silva seria velado no auditório da referida rádio e, logo após, encaminhado para a casa de seus pais no sítio Frade, naquela cidade. O sepultamento está previsto para às 17:00 horas de hoje.

Fonte: Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS