Tempo - Tutiempo.net

Trabalhadores de obra do metrô bloquearam Av. Paralela, em Salvador

Manifestantes caminham em frente aos carros (Foto: Reprodução/SSP-BA)

rabalhadores da obra do metrô fizeram uma manifestação na manhã desta quarta-feira (21). O grupo caminhou na Avenida Paralela por volta das 9h e deixou o trânsito congestionado em uma das principais vias da capital baiana, conforme a Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador).

O ato foi finalizado por volta das 12h. Uma hora depois o trânsito já havia sido normalizado na avenida.

O grupo, que partiu do canteiro de obras do sistema de transporte em Lauro de Freitas, na região metropolitana, caminhou até o Centro Administrativo da Bahia (CAB), na capital baiana, onde fizeram uma assembleia.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores da Construção Pesada e Montagem Industrial (Sintepav), o protesto é para reivindicar o cumprimento de itens de segurança e saúde no trabalho, além da falta de pagamento dos terceirizados.

Por meio de nota, a CCR Metrô Bahia informou que respeita o direito à manifestação do sindicato, mas que desconhece a pauta de reivindicações dos trabalhadores terceirizados convocados para a assembleia na manhã desta quarta-feira.

Disse também que a concessionária foi notificada sobre a paralisação das atividades desta quarta-feira, mas não foi oficialmente comunicada sobre os pontos reivindicados para análise e negociação. A concessionária informou ainda que preza pelos direitos trabalhistas, cumpre as responsabilidades relacionadas aos funcionários terceirizados e já está mantendo diálogo com o sindicato da categoria para solucionar a questão.

Durante o ato na manhã desta quarta-feira, os manifestantes bloqueiaram a pista no sentido centro e caminham na frente dos carros. Eles carregaram faixas e cartazes.

Além disso, o sindicato informou também que, enquanto a manifestação durar, as atividades estão paralisadas na obra de Lauro de Freitas.

G1

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS