Tempo - Tutiempo.net

Alegando problema de saúde, Pazuello deixa o Ministério da Saúde

General Pazuello

O ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello , pediu para deixar o comando do Ministério da Saúde alegando que está enfrenta problemas de saúde.

Segundo interlocutores, o militar informou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que precisa de tempo para se reabilitar. A informação é do jornal O Globo .

O pedido de afastamento coincide com o auge da pressão de deputados do Centrão, que pleiteiam mudança no comando da pasta sob pretexto de má gestão durante a pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2), sobretudo na demora para a compra de vacinas.

Pessoas próximas ao presidente já entraram em contato com dois médicos cardiologistas cotados para substituir Pazuello.

Os nomes seriam os de Ludhmilla Abrahão Haijar e Marcelo Queiroga , presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

O primeiro nome, segundo a jornalista Andreia Sadi, é o preferido de Arthur Lira e de deputados do Centrão.

Um integrante do governo que não teve seu nome revelado diz que Pazuello dificilmente seria demitido por pressão de parlamentares.

Ainda que isso acontecesse, o escolhido para substituí-lo seria o deputado federal Dr. Luizinho (PP-RJ), que teria sido o primeiro nome indicado pelo bloco.

Com informações do IG

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS