Cistite: as mulheres devem dar mais atenção à sua higiene íntima

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

A cistite é uma doença inflamatória que se desenvolve na bexiga e uretra e a maioria das vítimas são mulheres, que estão mais sujeitas devido a proximidade entre a vagina e ânus e também ao fato de a uretra ser bem mais curta que a do homem.

 

A maior incidência de cistite se dá por bactérias habitantes do intestino humano, que por sua vez, lá no seu habitat natural, não causam nenhum dano. Daí um forte motivo para que a mulher, dê atenção especial à sua higiene íntima principalmente após ir ao banheiro.

 

Outros possíveis fatores que podem desencadear a cistite na mulher são tumores na bexiga, pedras nos rins, em alguns casos, relações sexuais muito frequentes podem também contribuir, devido à sensibilidade da uretra ser afetada

 

Já para o homem, é mais rara a manifestação da cistite e quando acontece, quase sempre tem ligação com problemas de próstata, pois o principal fator de risco é o aumento de tamanho da mesma, provocado por algum distúrbio mais sério.

Sintomas comuns da cistite na mulher

 

– Dor e ardência ao urinar
– Dor lombar e na parte inferior do abdome
– Sensação de bexiga sempre cheia, mesmo que tenha acabado de urinar
– Vontade de urinar com muita frequência e com pouco fluxo de urina
– Às vezes a urina sai misturada a sangue

Sangue misturado na urina dos homens não significa precisamente que é cistite e merece atenção especial.

 

Medidas que ajudam a mulher se prevenir contra a cistite:

– Faça sempre uma higiene correta após usar o banheiro, usando sempre o papel higiênico da frente para traz ou lavar com água e sabão
– Tome muito líquido diariamente
– Evite deixar a bexiga cheia por muito tempo, não segurando a urina quando sentir necessidade de urinar
– Evite roupas muito apertadas, principalmente peças intima ou calcas compridas.

 

È importante procurar um médico, assim que aparecer os primeiros sintomas, pois a cistite às vezes pode ser apenas um alerta de algum problema mais sério. O médico fará o diagnóstico após exames e indicará o tratamento mais adequado.

 

Geralmente o tratamento em casos de cistite é simples, feito à base de antibióticos com excelentes resultados.

Fonte: Diário feminino

OUTRAS NOTÍCIAS