Estado e maternidade Iperba podem responder por cerca de 40 corpos de bebês sem sepultamento

Entre 30 e 40 corpos de bebês que nasceram mortos ou que morreram logo após o parto estão armazenados no necrotério do Instituto de Perinatologia da Bahia (Iperba).

De acordo com reportagem do jornal A Tarde, os fetos ainda aguardam sepultamento.

A informação chegou na segunda-feira (5) à Corregedoria de Justiça do Estado, sem a confirmação do número exato de corpos.

De acordo com o desembargador Olégário Caldas, o dado será levantado pelo Ministério Público do Estado e pela 1ª Vara da Infância e da Juventude.

O pedido de autorização para os sepultamentos foi feito pela diretora do Iperba.

Apesar do requerimento, é possível que a direção do Iperba e o governo do Estado respondam, em última instância, por infração administrativa.

De acordo com o desembargador é preciso diferenciar os que morreram dos que já nasceram mortos para que os sepultamentos aconteçam.  

Fonte: Corregedoria/A Tarde/Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS