Estoque em banco de leite chega apenas 12 litros

O estoque no Banco de Leite do Hospital da Mulher chegou a apenas 12 litros, nível considerado baixo. A quantidade de segurança é de 30 litros. Além das mulheres que têm seus filhos na instituição – que são orientadas a doar o excedente da sua produção – existem 22 doadoras, que mantém a regularidade do estoque.

O leite é destinado à alimentação dos recém nascidos que estão internados no berçário ou na UTI Neonatal do Hospital da Mulher. Hoje, dez crianças com baixo peso ou outros problemas de saúde estão internadas na instituição. Cada uma delas consome, a depender da orientação médica, entre 240 mililitros e 320 mililitros, diariamente. Daí a necessidade de reposição do estoque. Elas “mamam” a cada três horas.

As crianças necessitam do leite, considerado o mais completo alimento para elas, até os seis meses – a exclusividade dispensa até a água.

Doar leite é uma lição de cidadania. A enfermeira do BLH, Nadja Vieira, diz que as mulheres que produzem mais do que as necessidades dos seus filhos devem destinar o excedente ao banco de leite. “Elas devem nos procurar que temos pessoal para orientá-la, bem como fazer a coleta”. O telefone de contato é o 3602.7156. As mulheres recebem touca, máscara e um frasco de vidro com tampa de rosca. E são orientadas com relação a higiene.

As coletas nas residências das doadoras são realizadas a cada dois dias, com o apoio do Corpo de Bombeiros. Todo leite é analisado visual a laboratorialmente. O que passa no controle de qualidade é pasteurizado. A parte rejeitada é imediatamente descartada.

Fonte: Secom

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS