Tempo - Tutiempo.net

Estudantes de colégio estadual em Palmeiras representarão a Bahia na Mostra Nacional de Feiras de Ciências

ESTUDANTES REDE ESTADUAL DE PALMEIRAS NA FEIRA NACIONAL DE CIÊNCIAS

O Colégio Estadual Professora Nilde Maria Monteiro Xavier, localizado no município de Palmeiras, vai representar a Bahia na 5ª Mostra Nacional de Feiras de Ciências, que ocorre em Brasília entre os dias 24 e 26 de setembro. Com o projeto intitulado “EcoBoxs: uma alternativa sustentável para reaproveitar o papel descartado no ambiente escolar”, desenvolvido pelos estudantes do Clube de Ciências André Rebouças, a unidade escolar conquistou destaque pela sua abordagem inovadora e pelo impacto ambiental positivo.

Orientados pelo professor Jadson de Souza Conceição, os estudantes Israiany Andrinnyelle Silva de Almeida, Marina Bandurra de Oliveira Almeida, Thiago Luis da França Guimarães, Gustavo Lima e Lucas Santos de Almeida desenvolveram as EcoBoxs com o propósito de servir como embalagens para o projeto EcoVelas, que consiste em velas aromatizadas elaboradas por outros alunos do Clube de Ciências. Feitas com o papel reciclado, obtido a partir do papel descartado no ambiente escolar, a produção do material oferece uma solução prática e sustentável para o reaproveitamento do papel e, também, promove a conscientização ambiental entre os estudantes.

Lucas, 17 anos, aluno do 2° ano, comemorou a notícia da classificação. “Participar do desenvolvimento das EcoBoxs foi uma experiência incrível.

Além de aprender sobre sustentabilidade, pude contribuir para uma causa importante. Buscamos, desde o início, uma alternativa para evitar danos maiores ao meio ambiente.

Não esperava que o nosso projeto chegasse tão longe, mas a oportunidade de apresentá-lo em Brasília significa que ele tem potencial, pode ser replicado e é viável a sua produção. Eu estou muito feliz com essa classificação”.

O professor orientador expressou sua felicidade com a seleção do projeto. “Perceber que meus alunos, estudantes de escola pública da rede estadual, concorreram com projetos do Brasil inteiro e que o nosso projeto é o único da Bahia a representar o Estado na Mostra de Feira de Ciências, em Brasília, é de uma grandiosidade sem tamanho.

Me dá muito orgulho. Isso me faz perceber que a educação pública, quando bem feita, dá frutos e demonstra o quão potente tem sido o que nós estamos fazendo aqui na escola”.

Informações SEC

OUTRAS NOTÍCIAS