Tempo - Tutiempo.net

Jerônimo Rodrigues recepciona oficiais da PM promovidos a tenentes-coronéis

Mulher promovida a Tenente Coronel pelo Governador Jerônimo

“É nossa responsabilidade com a paz e com a segurança”, disse o governador Jerônimo Rodrigues em cerimônia de recepção aos 30 novos tenentes-coronéis da Polícia Militar da Bahia (PMBA) no Centro de Operações e Inteligência (COI), da Secretaria de Segurança Pública da Bahia, em Salvador.

A recepção simbólica também anuncia a promoção de sete coronéis, 99 majores e 147 capitães, totalizando 283 oficiais da Polícia Militar em progressão de carreira.

De acordo com a PMBA, o ato integra a política estadual de valorização do servidor público e segue critérios de antiguidade e/ou merecimento dos militares que compõem os quadros de oficiais.

Para o chefe do executivo, a progressão é essencial para a oxigenação da segurança pública.

“Essas pessoas chegam com muita vontade de assumir suas novas funções. Além de oxigenar, mantemos elas estimuladas e firmes no juramento que fazem desde o primeiro dia que eles são nomeados para assumir um cargo na segurança pública”, lembra o governador.

Com a publicação das promoções na edição do Diário Oficial do Estado (DOE) desta terça-feira (29), a Polícia Militar da Bahia chega a 12.467 policiais militares promovidos nos últimos três anos — 2.231 oficiais e 10.236 praças. O comandante-geral da PMBA, coronel Paulo Coutinho, ressaltou que olhar para a carreira militar é respeitar a instituição e os profissionais que atuam nela.

“O marcante desse momento é o gesto. O gesto de respeitar uma instituição, de respeitar profissionais que se dedicam à segurança e que doam as suas vidas para que a Bahia tenha uma segurança de excelência”.

Na última segunda-feira (27), o governador também recepcionou sete novos coronéis, que vão contribuir para o projeto estadual de integração e fortalecimento das forças de segurança da Bahia.

Dos oficiais promovidos, 36 são mulheres. A PMBA passa a contar com mais três tenentes-coronéis – o segundo posto mais alto do oficialato –, oito majores e 25 capitães.

Patrícia Barbosa é uma das tenentes-coronéis nomeadas. Emocionada, ela celebra a possibilidade de exercer funções de comando mais estratégicos. “É um momento muito especial para as mulheres da Polícia Militar. Agora estamos participando do processo decisório da corporação, composta por 29 mil homens, e 10% de mulheres. Já é um número expressivo”.

Há 34 anos a PMBA conta com mulheres na corporação. Conforme a Polícia, são 4.604 policiais que desempenham funções de comando, operacionais e administrativas na Bahia.

Segundo Jerônimo Rodrigues, nesta quinta-feira (30) outros 11 tenentes-coronéis do Corpo de Bombeiros serão nomeados – nove deles, mulheres. A recepção ao grupo foi realizada na manhã de quarta-feira (29), no gabinete do governador. “Hoje temos mais chances de nas próximas nomeações termos mulheres coronéis”, celebrou.

Milena Fahel

OUTRAS NOTÍCIAS