Carlos Lima
Hoje dia 15/09/2019 às 18:55:45

Educação
Carlos Lima | Publicado em 05/09/2019 às 10:56:13

Governo lança programa para incentivar criação de escolas cívico-militares

Governo lança programa para incentivar criação de escolas cívico-militares O governo de Jair Bolsonaro já anunciou plano de instalar 216 escolas cívico-militares no País até 2023 Imagem: Magalhães Jr./PhotoPress/Estadão Conteúdo

O governo federal lançou nesta quinta-feira (5), em cerimônia no Palácio do Planalto, um programa para estimular a criação de escolas cívico-militares em estados e municípios.

Com o programa, a União vai colocar à disposição de governos estaduais e municipais a estrutura e profissionais das Forças Armadas, que atuarão em funções administrativas nas escolas. A adesão de estados e municípios é voluntária.

A ideia do governo federal é ofertar 216 escolas cívico-militares no país até 2023. De acordo com o Ministério da Educação, professores civis continuarão responsáveis pela sala de aula. Atualmente, o Brasil tem 203 escolas desse tipo, em 23 unidades da federação.

Ainda segundo a pasta, o programa “pretende construir um ambiente escolar de gestão de excelência”, que envolve parcerias entre gestores, professores, militares, alunos e pais e responsáveis.

Capitão reformado do Exército e com militares na equipe ministerial, Bolsonaro defende o modelo das escolas militares e fala, desde o ano passado, em ampliar o número de unidades no Brasil.

Segundo o MEC, o novo programa tem um conceito para as escolas alinhado à Base Nacional Comum Curricular, modelo que abrangerá as seguintes áreas:

Educacional: atividades para fortalecer valores “humanos, éticos e morais” e incentivar a formação integral dos alunos.

Didático-pedagógica: atividades de supervisão escolar e psicopedagogia para melhorar o processo de ensino e aprendizagem.

Administrativa: ações para melhorar a infraestrutura e organização das escolas.

G1

Comentários

comentários

Veja também