Carlos Lima
Hoje dia 22/07/2018 às 02:46:01

Feira
Carlos Lima | Publicado em 19/02/2018 às 14:52:20

Trânsito na Avenida Artêmia Pires garante mais segurança na Nóide Cerqueira

Trânsito na Avenida Artêmia Pires garante mais segurança na Nóide Cerqueira Mudanças trânsito Avenida Artêmia Pires

A Prefeitura Municipal de Feira de Santana, por meio da Superintendência Municipal de Trânsito (SMT), realizou recentemente intervenções na avenida Artêmia Pires com a implantação de pista dupla com barreira física central (canteiro) que disciplina o trânsito em horários de pico e melhora o fluxo na via, levando maior segurança para condutores e pedestres.

A rotina no trecho nas imediações dos condomínios Viva Mais Master e Parque Flora, segundo condutores de veículos, era marcada por acidentes, ultrapassagens, conversões ou retornos irregulares, além das longas filas de congestionamento.

Técnicos do setor de Engenharia de Tráfego e do Departamento de Operações da SMT realizaram estudos que apontaram a real necessidade de sinalização vertical e horizontal, introdução de conjunto semafórico e criação de faixas de segurança específicas no cruzamento da Artêmia Pires com a Rua Fernando Pinto, via responsável por ligar este trecho à Avenida Nóide Cerqueira.

A mudança conseguiu desviar grande parte do fluxo da Avenida Eduardo Fróes da Mota, o Anel de Contorno, reduzindo os transtornos causados pela grande movimentação de veículos no local.

Os condutores, agora, têm como opção trafegarem nos dois sentidos da Avenida Artêmia Pires – cada sentido de circulação possui pista própria – e realizar conversões com segurança à esquerda e à direita através do cruzamento.

Outra importante mudança realizada pela SMT foi o reordenamento de retornos na Avenida Nóide Cerqueira.

O novo retorno também garante tanto o acesso mais seguro de condutores de veículos à via quanto para quem pretende realizar conversão à direita, no sentido Avenida Artêmia Pires, através da Rua Fernando Pinto, ou ainda se deslocar pelo bairro SIM seguindo pela Rua Mário Taboa.

cljornal com informações da Secom

Comentários

comentários

Veja também