Carlos Lima
Hoje dia 13/12/2019 às 16:52:36

Prefeitura
Carlos Lima | Publicado em 28/11/2019 às 12:12:07

Será encerrada neste sábado a campanha nacional de vacinação contra o sarampo

Será encerrada neste sábado a campanha nacional de vacinação contra o sarampo Imagem:Raylle Ketlly

Segue até este sábado, 30, a campanha nacional de vacinação contra o sarampo em Feira de Santana. A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde, assegura o abastecimento das doses em todas as unidades básicas de saúde.

Nesta segunda etapa da campanha, jovens adultos não vacinados entre 20 a 29 anos de idade são o público alvo da ação. Para receber a dose da vacina, é necessário apresentar documento de identidade e caderneta de vacinação.

“Caso a pessoa não possua a caderneta, poderá ser confeccionada no local”, afirma a enfermeira referência técnica em imunização da Atenção Básica, Vanessa Cajuí.

As 89 Unidades de Saúde da Família e 12 Unidades Básicas de Saúde funcionarão de forma ininterrupta das 8h às 17h na zona urbana e das 8h às 16h30 na zona rural.

Nesta etapa foi priorizado pelo Ministério da Saúde a vacinação de jovens adultos devido ao grande número de casos confirmados e óbitos no Brasil, nesta faixa etária, serem expressivos.

O prefeito Colbert Martins Filho, médico por formação, salienta que pessoas de seis meses a 49 anos de idade que não sabem ou não se recordam se foram vacinadas, devem receber a dose da vacina.

“De maneira oportuna, além da vacina contra o sarampo, os profissionais de saúde também estarão realizando a atualização da caderneta de vacinação”, ressalta Vanessa Cajuí.

De forma estratégica, as unidades também estarão realizando atividades de educação em saúde em alusão ao novembro azul, ofertando também a liberação de guias para exames laboratoriais a homens em qualquer faixa etária durante o horário de funcionamento das unidades.

Mesmo com o fim da campanha, a vacina faz parte do Calendário Nacional de Imunização de crianças e adultos, sendo possível ser vacinado em qualquer período do ano.

A vacina tríplice viral protege não apenas contra o sarampo, mas também contra a caxumba e rubéola. Pessoas de 12 meses a 29 anos de idade devem receber duas doses da vacina, respeitando o intervalo de 30 dias entre as doses, e dose única para pessoas de 30 a 49 anos de idade.

Precauções

A administração da vacina deve ser adiada em casos de: febre, após o uso de imunoglobulina, sangue e derivados, crianças em uso de corticosteroides, crianças em quimioterapia antineoplásica, transplantados de medula óssea, e em crianças que fazem uso de imunossupressores ou biológicos, salvo em recomendação médica.

Contraindicações

Para crianças abaixo de seis meses de idade, gestante, pessoas com história de anafilaxia a doses anteriores a esta vacina, pessoas com imunodeficiência congênita ou adquirida e pessoas com imunidade comprometida a vacina é contraindicada.

Reações adversas

Em casos de reações adversas, a Secretaria de Saúde orienta que o paciente retorne a unidade de saúde que realizou a aplicação da vacina para fazer a notificação e encaminhamento para assistência de saúde.

Sarampo

O sarampo é uma doença infecciosa exantemática aguda, transmissível e extremamente contagiosa, podendo evoluir com complicações e óbitos, particularmente em crianças desnutridas e menores de cinco anos de idade.

A transmissão ocorre de pessoa a pessoa, por meio de secreções respiratórias, no período de quatro a seis dias antes do aparecimento de manchas avermelhadas (exantema) até quatro dias após.

Casos em Feira de Santana

Apesar dos esforços empreendidos pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde, permanece confirmado um caso de sarampo, conforme divulgado no início do mês de novembro.

Atualmente, até o dia 27 de novembro, 50 casos foram notificados, sendo: 25 descartados, 20 aguardando resultado, 4 inconclusivo e 1 confirmado.

Secom

Comentários

comentários

Veja também