Só para Zé Mané

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

É interessante, mas se eu pegar uma máquina Hp e dividir 1 por 0, vai aparecer no visor que o resultado é infinito. Isto é matemática, é tecnologia.

Portanto, se 1 por zero é infinito, é por que 1 sobre o infinito é zero. Isto também é matemática. Não sou eu quem diz, é a matemática, ela.

Assim, eu posso dizer que 1 sobre infinito mais 1 só pode ser 1 também. Isto também é a tal da matemática, Não sou eu quem diz, é a matemática.

Veja isto em uma máquina HP, para não dizer que eu invento coisas.

Vejamos outra coisa. O limite de 1/X quando X tende a 5 é 1/5.

Vejamos mais outra coisa. O limite de 1/X quando X tende a 10 é 1/10.

Logo, eu posso afirmar que o limite de 1/X+1 quando X tende ao infinito é 1 sobre o infinito mais 1 e assim ele só pode ser 1. Vejam na máquina.

Assim, este mesmo limite, de 1/X+1 elevado ao infinito, quando X tende ao infinito só pode ser 1, se 1 elevado a qualquer número é 1. Isto também é matemática, é o bom senso.

No entanto, só por que sábios do nosso passado erradamente disseram que ele é “e”, esta “verdade” está ai até hoje, empurrada com a barriga para o pobre de o aluno ter que engolir e ai de quem discordar.

Como é que pode 1 sobre o infinito mais 1 elevado a 1 ser “e”?

Por outro lado, é bem fácil provar que este “e” não é limite no infinito, é o máximo da função analisada e isto é simples de se ver.

É facílimo mostra que este limite é uma falácia imposta e nem pode ser discutido, simplesmente por que os o alto clero da matemática não aceita.

“Ora, esta verdade já está estabelecida”. Como? Verdade?

Este professor, que tem até um livro censurado sobre este assunto, que queremos discutir claramente, continua dando os mesmos R$ 5000,00 reais ao Zé Mane que provar o besteirol acima.

Por favor, leiam o livro “Memórias de um matematiqueiro-sobre um limite matemático bem estranho”, deste professor. Obrigado pela atenção.

 

Fonte: Prof. Carlos Novaes. carlospdenovaes@gmail.com

OUTRAS NOTÍCIAS