Atriz Taylor Hickson processa produtores de Ghostland

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email
Atriz Taylor Hickson processa produtores de Ghostland após ter o rosto desfigurado durante as filmagens

Às vésperas da estreia do filme de terror Ghostland, a equipe tem poucos motivos para comemorar.

Durante as filmagens em dezembro de 2016, a atriz Taylor Hickson sofreu um sério acidente, e apesar de o caso ter permanecido relativamente fora dos holofotes desde então, os fatos voltaram à tona devido a um processo movido pela atriz contra os produtores.

De acordo com os advogados de Hickson, “durante a filmagem, o diretor (Pascal Laugier) insistentemente pediu a Hickson para bater cada vez mais forte em uma porta de vidro com os punhos. Em determinado momento, depois de pedirem para bater com mais força, ela perguntou aos produtores e ao diretor se era seguro. Ambos responderam que sim. O vidro se quebrou, ela atravessou a porta e caiu sobre os cacos. Como resultado do acidente, sofreu cortes graves na parte esquerda do rosto e precisou correr ao hospital, onde recebeu cerca de 70 pontos”.

Ainda segundo os advogados, a atriz perdeu diversas oportunidades de trabalho devido ao tempo de recuperação do acidente, e ficou com uma cicatriz no lado esquerdo do rosto (imagem acima). O processo ainda menciona danos psicológicos. Os responsáveis pela Incident Productions não se pronunciaram sobre as alegações.

Hickson decidiu não comparecer à pré-estreia de Ghostland na França. “Eu nunca trabalhei tão duro em uma produção em toda a minha vida, e agora esta é uma maneira amarga de terminar a obra à qual me dediquei tanto”, afirmou a atriz.

 

 

 

Bruno Carmelo

OUTRAS NOTÍCIAS