Vereador Isaías se posiciona ao lado do prefeito em oposição ao povo / Sérgio Jones

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

O povo elege o político e logo após eleito, ele se volta contra os interesses de seus eleitores. Prova disso foi a posição adotada pelo vereador Isaías de Diogo que usou a tribuna da Câmara Municipal para defender o prefeito de direito e não de fato, Colbert Martins, diante das constantes críticas feitas pelo feirense no tocante a condução da administração dele.

Com a aproximação das eleições ele irá buscar votos junto ao prefeito, ou junto ao povo?

Ele na condição de evangélico sabe que não se pode, nem se deve agradar e servir a dois senhores.

Será que ele acredita ser esperto o suficiente para que possa fazer média com o mandatário e desprezar o manifesto descontentamento do povo?

Como diz o velho e bom ditado, que eu gosto de repetir sempre: a esperteza quando é demais, acaba engolindo o próprio esperto. O argumento do insípido vereador utilizado para rebater as críticas da população é que: “Político que trabalha a infraestrutura, pensando no futuro da cidade, muitas vezes é mal visto pelas pessoas que gostam de fazer politicagem”.

Analisando por este ângulo até parece ser um argumento sensato, não fosse por um simples detalhe, porque durante quatro longos anos nada foi feito, só agora em ano eleitoral?

O que faltou ao mandatário de plantão foi combinar com o tempo para que tudo transcorresse dentro do previsto.

Toda essa urgência em pleno inverno, período de muitas chuvas, não foi levado em consideração. A prevalência é por ser ano eleitoral. Velha prática adotada, tendo como objetivo cabalar votos dos eleitores incautos.

Em nenhum momento, como explicitou o ínclito edil, o ato praticado pelo atual prefeito demonstra comprometimento e responsabilidade do governo. Mas oportunismo político se utilizando da máquina pública, de forma despudorada e cabotina. Velhas práticas de gestão que resistem em ser renovadas.

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

OUTRAS NOTÍCIAS